CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Portal de Poesia - Suely Andrade
 Fazer da palavra um embalo é o mais puro e apurado senso da poesia. Mia Couto
Textos

Pesca ou Pescador

Na vida somos peixes 
Que da água vivemos.
Livres ou amontoados em feixes,
Ou aproveitamos o tempo,
Ou dele padecemos.

De águas rasas ou de sangrias;
Paradas ou navais.
De cursos turvos ou claras vias 
De alto mar ou de beira de cais.

De raro costume;
De andar só ou em cardume.
De calmaria ou turbulência;
De fácil pescaria ou para muita paciência.

Peixe preso no aquário ou peixe livre, em disparo.
Bagre ou dourado;
Peixe deixado de lado;
Peixe exótico; peixe raro.

Somos assim, peixes-presas
Ou predadores temíveis.
Peixes claustros em represas;
Peixes simplesmente livres.
Suely Andrade
Enviado por Suely Andrade em 12/01/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários